The end of the f***ing world

16:51:00



Eu não ando com grande tempo para muita coisa, sejamos sinceras. Mas a verdade é que sempre preferi dormir menos se pudesse viver ou experimentar algo que me cola realmente. Deixei de lado muitas séries porque perdi o interesse e outras porque os episódios novos demoravam tanto tempo que me faziam desistir e perdiam o encanto. Até agora, a série blindspot é a que mais me cativa e mais me tem agarrado ao ecrã, mas não é dela que vos venho falar. Venho falar-vos de uma mini série da Netflix chamada The end of the f***ing world, decidi vê-la por causa de uma quote da mesma e fui com o pensamento de que se não gostasse só perdia 20 minutos da minha vida, não era grande coisa. Mas confesso, são oito episódios cada um de 20 minutos e eu já vi quatro deles de seguida, fiz uma pausa porque queria mesmo vir falar-vos disto. Não é uma série normal, os efeitos não são os melhores mas a história em si e as características das personagens fazem com que esta série tenha os melhores episódios. Pelo menos do meu ponto de vista!

Tal como disse a série tem apenas 8 episódios e cada um tem 20 minutos, é inspirada numa banda desenhada de Charles S. Forsman e é repleta de humor negro e drama absurdo. A banda sonora é um tanto ou pouco sinistra o que acompanha lindamente Alyssa e James, os protagonistas.

James é um adolescente de apenas 17 anos que acredita ser psicopata, passa o tempo todo a querer magoar as pessoas e aos 8 anos queima-se numa fritadeira só para sentir algo. Depois disso são diversos os animais que mata só pelo simples prazer de fazer mal.

Alyssa é uma rapariga masoquista, pelo menos a meu ver, que vê em James a oportunidade de fugir à vida que tem em casa. Além de uma transparecer uma imagem de "i don't give a shit", Alyssa é ninfo, adora irritar as pessoas mas no fundo é uma pessoa super sensível. Se pudesse passava a vida a comer.

James deixa Alyssa aproximar-se com o intuito de perceber qual o ponto de ruptura dela para a destruir, planeando desde inicio a melhor forma para a matar. Há medida que o drama decorre James quer imenso magoá-la mas acaba por se preocupar e gostar dela sem se aperceber, mesmo mantendo os pensamentos psico de a magoar, ele não o consegue fazer de propósito. Principalmente depois de a conhecer mesmo. No entanto ele preocupa-se no silêncio do consciente dele porque não tem tomates para estar do lado dela, como ela merece, como ela quer e não admite. Sente-se ameaçado, deslumbrado, cativado, acorrentado e livre com a personalidade dela. Tudo sentimentos contraditórios numa aventura que desde o inicio está destinada a não ser previsível. Alyssa e James sentem-se bem e em casa nos braços um do outro mesmo com todos os buracos, defeitos e espinhos que erguem para se atingirem mutuamente. Apesar de James ser mais psico que ela e ela ser mais sensível que ele acabam por se mudar mutuamente: ela acaba por torná-lo numa pessoa com sentimentos e ele acaba por torná-la mais realista. James pensa, fica imaginando as coisas na sua cabeça enquanto que Alyssa faz, seja por impulso ou premeditado. Apesar de nunca terem tido nada, Alyssa tenta apagar a presença de James com outros mas não consegue finalizar nada porque o seu pensamento é só um: "foda-se James". Ela mantém mais vezes a calma do que ele que imagina as coisas na sua cabeça mas depois quando acontece mesmo passa-se porque não sabe viver no mundo real.


Alyssa prefere explodir por dentro e manter-se calma por fora para os outros não saberem como se sente na realidade.



Faz lembrar alguém não faz?
A diferença é que James cozinha.


Cheia de fugas, mortes, encobrimentos, descobertas pessoais e da realidade com o toque dramático do humor negro a série The end of the f***ing world é já um sucesso e já se pede um segunda temporada!


Melhores quotes até agora:

JAMES:

-"Normalmente eu não danço. Mas é difícil de dizer não à Alyssa"
-"Com a Alyssa era melhor alinhar. Tinha-a onde queria."
-"Eu não costumava sentir nada. Não sentia absolutamente nada. Nem precisava de tentar. Não sentia e ponto. Estar com a Alyssa fez-me sentir coisas. Ela fez-me sentir coisas e eu não gosto disso"

ALYSSA:

-"Se nos matarem vou ficar mesmo fodida"
-"Queres-me a mim ou alinhas só por alinhar?"
-"Às vezes o James parece um rapaz pelo qual posso apaixonar-me mesmo a sério, outras vezes parece um total estranho"
-"Pergunto-me se não deveria ser um alcoólica"
-"Ele nunca dá o primeiro passo, por isso."


TRAILER




Vou voltar para a outra metade da série, um beijo!


Exclui



sta mensagem enviada há 2 horas atrás de

You Might Also Like

20 comentários

  1. Só pela descrição fiquei curiosa e 8 episódios com 20 minutos são apenas 16 horas de 24 por isso não está mau de todo (risos). Vou aderir porque fiquei imensamente interessada. Adorei o post querida! Fizeste bem em partilhar a série! 💙 Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na verdade, vê-se em três horas mais ou menos (160 minutos) (risos) Eu adorei mesmo a série é fora de vulgar. Um beijinho <3

      Eliminar
  2. A série parece-me estranha, mas acho que tu conseguiste despertar-me a atenção para ela - o que por si só já é extraordinário! Vou ver se reúno vontade para ver um episódio!

    Miss DeBlogger

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É de fcato um pouco estranha, mas nunca gostei de coisas normais (risos). Depois diz o que achaste :)

      Um beijinho

      Eliminar
  3. nunca vi, mas identifiquei-me imenso com a Alyssa que "prefere explodir por dentro e manter-se calma por fora para os outros não saberem como se sente na realidade."
    BLOG | FACEBOOK | INSTAGRAM

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi sem dúvida nenhuma a minha maior identificação, mesmo a parte de ser chata! Adorei imenso a série :) Um beijinho

      Eliminar
  4. Fiquei curiosa, vou dar uma espreitadela 😉

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Faz isso e depois dá-me o teu feedback :) Um beijinho

      Eliminar
  5. Muito bom ,a tua descrição da série faz com que queiramos ver , e de facto 20min por episódio é pouco . Logo é positivo caso não gostemos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dá uma olhadela, pode ser que acabes por gostar :)

      Eliminar
  6. Eu comecei a ver mas ainda não acabei a primeira season! Tenho de ver o resto 😘😊❤️

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E qual é o teu veredito?
      Um beijinho 😘

      Eliminar
  7. Ohhh... agora fiquei curiosa e não tenho Netflix 😕

    Também gosto de séries diferentes!

    Beijinho
    Carla

    ResponderEliminar
  8. Fiquei curiosa, quando tiver mais tempo, tenho que experimentar um episódio.
    "Se nos matarem vou ficar mesmo fodida" é muito bom hahaha
    Beijinhos!

    http://acharofioameada.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu adorei, mas lá está, depende dos gostos :) um beijinho 😘

      Eliminar
  9. Fiquei a conhecer, parece realmente uma série que prende, o mundo interior e exterior dos personagens deve ser caótico e deve dar que pensar :) Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Ainda não vi, mas estou muito curioso. E ler o texto aguçou-me a curiosidade:-)

    ResponderEliminar