Manchester

17:40:00




Quem já me conhece ou quem me vai seguindo pelo blog sabe o quanto considero Manchester como a minha segunda casa. Não vale a pena questionarem-me o porquê de sentir nesta cidade o significado da palavra casa mas sinto! Já lá fui duas vezes e por mim passaria lá o resto da minha vida (quem sabe um dia). Pode ver aqui  o post que fiz aquando da primeira visita. A segunda não correu como queria mas não tirou o encanto àqueles ares britânicos. Costumam dizer que à terceira é de vez e é que é mesmo. Não tem como não estar a contar os dias para entrar no avião, finalmente vou puder partilhar toda aquela emoção com quem a sente tanto quanto eu, e para isso não há preço! Prometi-vos neste post que vos daria algumas dicas e alguns sítios imprescindíveis a visitar em Manchester e cá estou em para cumprir!

Comprar a viagem

  1. Creio que o ponto principal é fugir às épocas altas e evitar jogos na cidade com equipas portuguesas porque aí os preços disparam e é sempre um controlo fora do normal com a entrada e saída do país!
  2. Sigo uma página no facebook que é viagens baratas e voos lowcost que ajuda imenso a encontrar viagens incriveis por preços de pechincha, e não me refiro só a Manchester.
  3. Antecedência. Creio que é dos pontos mais importantes para conseguir uma viagem mais barata, quanto mais tempo de antecedência se comprar, mais barato nos sai!
Alojamento

Das duas vezes que já fui fiquei em sítios diferentes e esta terceira vez não será exceção! 
  1. Se querem poupar dinheiro e tem alguém conhecido no local onde vão a escolha é óbvia, sempre poupam no alojamento e tem a certeza que ficam confortáveis! Foi o que fiz da primeira vez que fui, fiquei em casa da minha irmã que fica a 10 minutos a pé do centro de Manchester.
  2. Hotéis. Esta é a opção mais cara mas talvez a que muitos considerem mais confortável e mais fiável pois não tem que se preocupar com muita coisa. Aconselho a um hotel fora do centro pois vai ficar mais em conta e os sítios em Manchester possuem fácil acesso pedestal e mesmo os transportes públicos levam-nos a qualquer lado. Na segunda vez que fui fiquei no Britannia Hotel Manchester, apesar de ter gostado imenso não foi a melhor escolha a níveis monetários (risos).
  3. Airbnb. Esta é a opção que escolhemos utilizar nesta viagem, é super em conta e encontramos quartos e/ou apartamentos em todo o lugar a um preço super acessível. Neste site (também existe aplicação) é possível marcar a região que pretendemos viajar, as datas de estadia, as pessoas que vão e se queremos apenas um quarto ou o apartamento completo. Nós encontramos um achado, um quarto para dois no centro de Old Trafford durante duas noites e ficou-nos a 72€ (36€ por pessoa). A reserva é super simples e rápida!

Pontos Imprescindíveis

  1. Como uma rapariga apaixonada pelo United tenho a dizer que o Estádio do Manchester United é um ponto chave da cidade,  não há como passar sem lá ir! Uma visita ao estádio é 18 libras (pelo menos quando lá estive).
  2. Museu Nacional do Futebol. Paga-se 3 libras (pelo menos quando lá fui) para visitar o museu,  sem dúvida de que um amante de futebol não pode ir a Manchester sem lá passar.
  3. A roda gigante. Das duas vezes que lá fui não estava montada e tive super pena em não conseguir usufruir deste ponto a ver se desta vez tenho sorte (risos).
  4. Universidade de Manchester. Eu adoro o pormenor da arquitetura, o detalhe e o desenho emblemático de cada entrada, fiquei apaixonada.
  5. Tenho um pouco da hermione em mim, confesso, sou louca por livros por isso também aconselho imenso a Biblioteca John Rylands e a Livraria Chetham.
  6. Para quem gosta de viajar sem sair do mesmo sitio nada melhor do que o segundo maior shopping da Europa mesmo ao pé do estádio do United, onde podemos viajar da China à Grécia em menos de nada. O shopping está dividido em várias culturas e até espaço para uma réplica exata do convés do Titanic tem.
  7. Eu adoro sossego, respirar ar puro, sentar-me em algum lugar e não me preocupar com o tempo que está a passar e Manchester está cheio de parques lindos. Não os visitei todos, como é óbvio, mas dos que visitei o meu preferido foi o Platt Fields Park.
  8. Manchester Town Hall  é (só) das visões mais lindas que podemos ter na cidade.

Garfo e faca

Quanto à gastronomia sou uma péssima ajuda, ou comi sempre em casa da minha irmã ou no hotel ou então no básico que é universal. Apesar de ter experimentado um restaurante paquistanês ótimo e não me lembrar do nome assim como uma pizzaria de comer e chorar por mais. Prometo que quando vier trago este ponto mais bem estudado (risos).



Eu ainda não acredito, vamos os dois!

You Might Also Like

4 comentários

  1. Excelentes dicas. Por acaso nunca foi um sitio que me lembrasse, mas quiçá se não vou lá um dia :b

    Beijinhos,
    DEZASSETE

    ResponderEliminar
  2. Manchester é uma das cidades que está na minha lista! Pode ser que ainda vá lá este ano :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aproveita a sério, é das melhores cidades que podes conhecer! Um beijinho :)

      Eliminar