15:35:00

MCMIV || Amor da minha vida


Resultado de imagem para estadio da luz por fora


Já fui a pessoa mais injusta, discuti contigo como uma namorada cheia de ciúmes e zangada. Sei que já berrei contigo, já chorei contigo, já errei contigo, já desacreditei em ti por momentos, e acredita que foi das piores sensações do mundo. Já me zanguei contigo, já me perguntei o porquê de te apoiar tanto se tu não dás em campo o que nós adeptos esperamos de ti, mas depois acordo. 



Acordo e reparo que clube tão grande como tu também voa baixo às vezes, mas custa aceitá-lo sabes? Custa aceitar que o meu grande amor não é sempre firme. Nem o Benfica sabe jogar sempre à Benfica mas quando joga.... Ai quando joga, não há lugar no mundo que não se erga de alegria ou que não saúde o rei. Sim, és o meu rei, rei de portugal, rei da europa, rei do mundo, o meu rei. Se te conseguisse explicar o orgulho até das tuas quedas porque te ergues das cinzas como a fénix e tu sabes que tens milhões a jogar contigo, que tens o rei  Eusébio (ohh que saudades do rei) a reencarnar em ti e a avivar-nos a esperança que os ases do passado continuam do nosso lado, tens o capitão, o eterno capitão coluna, tens milhões que caem contigo nas derrotas mas mesmo com mágoa continuam contigo. Isso é amor sabes? Não sei explicar o porquê de seres tu, não sei. Nem preciso, sinto-me viva contigo e isso basta-me. Muitos são os que te ofendem mas todos te carregam porque nenhum te supera. Talvez tenhas sido tu a escolher-me ou tenha sido eu involuntariamente que me tenha prendido a ti, mas sei, aliás tenho a certeza que mesmo que tivesse nascido longe de ti, eu sei que serias tu primeiro que todo o mundo, afinal de contas "tudo vale a pena quando a alma é benfiquista". Não sei se as pessoas sabem, não sei se entendem mas o sentimento que me prende a ti é inigualável. Não sei se posso dizer que sou benfiquista desde que nasci mas garanto que sou do Benfica desde que me lembro. A minha mãe costuma contar-me que me deixaram escolher o meu clube, ou pelo menos a meu ver, deixaram o clube escolher-me a mim, ela diz que a primeira vez que vi o emblema das águias me agarrei ao cachecol com tanta força que durante a semana toda não o larguei. Que era impossível adormecer sem ele do meu lado. Ela ainda hoje se incredibiliza por uma criança se agarrar a um clube como eu me agarrei, por me ver arrepiar tanto no momento do abraço. É a história que mais adoro ouvir. Dá-me conta que não saber explicar porque amo te amo tanto é compreensível. Nunca o consegui fazer. Posso dizer que escolheste-me, que viste em mim algo merecedor para pertencer à tua história. Fizeste de mim uma lutadora e uma vencedora. Não consigo entrar no estádio sem me arrepiar, não consigo ver um video sobre ti sem no fim estar a chorar quase compulsivamente, não consigo suportar uma derrota e as pessoas que me perdoem se me revolto quando acontece. É que não consigo suportar a ideia de teres momentos de fraqueza, não consigo suportar não sentir sempre vitórias. Tenho o coração mais fraco para amor tão grande. E desde já a humanidade que me desculpe se estou com um receio enorme, perdoe-me mas ver as lesões constantes colocam em mim um medo tremendo de no final da época não estar no marquês a festejar o tetra. Este ano não te peço menos do que tu mereces. Este ano não te peço menos que o 36º campeonato português, porque tu meu amor, tu és o descanso do guerreiro, tu és aquele pôr do sol antes da escuridão, tu és o bater de milhões de corações, porque tu meu amor, tu és tu e não à melhor palavra, palavra mais sentida e descritiva para te descrever senão o teu nome: Benfica! Porque podes caminhar para todos os confins do mundo, podes jogar onde ninguém pensou que existisse um campo de futebol ou até na melhor catedral do mundo, a luz (desculpem-me os leitores mais sensíveis mas para mim não há lugar mais bonito no mundo) mas nós estamos lá. Eu estou lá. O teu companheiro está lá. O mais importante não é onde, nem quando se joga, não é o preço dos bilhetes, o café onde te sentas, o tempo que faz, nem mesmo o companheiro que tens ao teu lado. O mais importante é o emblema que carregam ao peito, é esse símbolo cheio de honra e glória, o importante é honrar o Benfica. Não me interessa o nome que carregam às costas, não me interessa, interessa-me que saibam a importância que tem ao peito, interessa-me a nação que representam. Porque para muitos é apenas mais um emblema, para milhões é o que dá vida! Não me interessa que saias de casa para jogar, onde tu jogas, estás em casa. Nós estamos contigo. Se há alguém capaz de carregar o mundo às costas, esse alguém é benfiquista de certeza. Se há alguém que quando todos julgavam morto e acabado luta com tudo e vence, esse alguém é benfiquista. Se há alguém que quer sentir o seu chão tremer, todo arrepiado então esse alguém está no estádio mais bonito do mundo, a nossa Catedral. Se há alguém capaz de cerrar os dentes e ir à luta depois de qualquer apito final figurativo com um resultado que não é o desejado, então esse alguém é benfiquista. E que raça maravilhosa que somos. Papoilas saltitantes que se erguem por cima dos verdes prados. Papoilas saltitantes que voam nas asas das águias. Papoilas Saltitantes. Benfiquistas. Que todos entendam que vamos contigo para a luta, que vamos contigo para cada batalha no emblema que carregas ao peito, que todos entendam que sentimos contigo e que queremos isto tanto quanto tu. Que todos entendam que o Sport Lisboa e Benfica é muito mais que um clube. Que todos entendam que tu, tu és a crença de muitos, que todos entendam que tu és a nossa casa. E como é bom estar em casa. A dor que me possas causar será sempre temporária, pode durar o tempo que durar, mas eu sei que no fim tu vais vencer. E sabes porquê? Porque tu sentes isto tanto quanto eu. Porque o Benfica sou eu. É o idoso da taberna. É a criança no berço. É a águia que sobrevoa a nossa casa. Porque o Benfica somos nós. Porque é em ti que eu acredito, e estou  disposta a morrer. Ponto final. Porque não é a dificuldade que temos que enfrentar que importa, porque no fim, no fim vai conseguir. Acredita, joga e honra porque nós... nós estamos aqui para te levar ao topo. Porque não há clube maior que tu. Não há nada maior que tu. Porque se olhares para as bancadas, para os cafés, para as ruas, para as habitações e até mesmo para o céu. Se olhares verás alguém capaz de se esforçar por ti, porque na hora da verdade sabemos que o farão por nós! Que a única monotonia que tenha na vida, seja as tuas vitórias consecutivas.


"e outra é que todos os anos eu possa acabar uma noite geralmente em maio deitado todo escangalhado no chão do marquês de pombal a babar-me para uma sarjeta. é a única coisa que eu peço (...) portanto é da minha vida que estamos a falar, não brinquem"  - Ricardo Araújo Pereira


Resultado de imagem para benfiquistas marques de pombal


O último jogo que fui ver ao estádio, foi esta época e empatamos.  SPORT LISBOA E BENFICA - Vitória de Setúbal. Acabei o jogo a chorar, não por não acreditar em ti, mas por saber que merecias muito mais. Nós merecíamos muito mais. O exemplo que somos uma familia, foi os abraços que recebi de desconhecidos a partilhar da mesma dor. O exemplo de que o pequeno sente tanto quanto o grande foi aquele miúdo que se abraçou às minhas pernas e disse "O caminho deste ano é igual ao do ano passado". Ele tem razão. Sou uma besta quando se trata de ti, mas sou a besta mais orgulhosa de todas.

You Might Also Like

0 comentários