03:28:00

FILMES || V for Vendetta

Resultado de imagem para v for vendetta

Andava eu perdida entre filmes e filmes no popcorn sem saber o que ver. Nenhum me cativava. Os filmes que me diziam para ver ou eram demasiados clichés ou pior ainda, eu já tinha visto. Verdade seja dita só há dois filmes que eu não me importo de repetir vezes e vezes sem conta: Into the wild e Pearl Harbor. E claro como não podia deixar de ser, quaisquer filmes que sejam da Disney e a saga do Harry Potter. Enfim... Até que alguém me disse vê V for vedetta acredita que não te vais arrepender um segundo.
Depois de ver a capa do filme, confesso que a vontade de o ver é baixissima, achava que vinha aí mais um filme com história igual a tantos só mudava o nome. Mas enganei-me. É um filme de ação de 2005, sendo uma adaptação de um livro de Banda Desenhada com o mesmo nome. A história do filme passa-se num futuro próximo dos dias atuais, na grande cidade de Inglaterra: Londres. O filme conta a história de uma sociedade contaminada.

V é um homem que defende a liberdade do povo londrino, a liberdade de expressão, a liberdade de escolha. Uma liberdade digna de qualquer sociedade oprimida pelo governo. V quer corrigir o que está errado, devolver ao povo o que lhes pertence por direito e livrá-lo do medo que o consome. V, interpretado pelo ator Hugo Weaving, ficou desfigurado numa das experiências maquiavélicas do governo atual de Londres, estando assim disposto a vingar-se de todos os responsáveis. Nunca é visto sem a máscara que todos conhecem, dando a ideia que a causa pela qual luta não precisa de um rosto. Porque para V, debaixo de uma máscara não há apenas um rosto, algo de carne e osso, debaixo de uma máscara está também uma ideia. E as ideias nunca morrem. O rosto da causa é o povo. V, pode ser qualquer um. Citando Evey no fim do filme: "Ele era Edmont Dantes. Era meu pai, minha mãe, meu irmão, meu amigo. Ele era eu, eras tu, era todos nós". 

Evey, interpretada pela atriz Natalie Portman, é uma rapariga que tem que determinar se aquele que idolatra, V, é de facto o seu herói ou a grande ameaça àquilo que pelo qual está lutando.


V, quando se apresenta a Evey, discursa com todas as palavras iniciadas com V, afirmando que ter conhecido E-v-ey não foi coincidência. "Voilà! À sua vista um humilde veterano do vaudeville trajado com vestes de vítima e vilão pelas vicissitudes do destino. Este semblante não é um mero verniz de vaidade, é um vestígio de vox populi, agora vazia e esvaecida. Porém, esta valorosa visitação de uma vexação passada se encontra vivificada, e fez um voto de vencer os vermes, venais e virulentos, que se valem do vício e valorizam a violação violenta depravada e voraz da vontade… o único veredito é a vingança, avendetta, tida como volitiva, não por vaidade, pois o valor e a veracidade de tal devem um dia vindicar o vigilante e o virtuoso… (risos) Verdade como esta vivida verborragia já se torna assaz verboso… permita-me que eu acrescente que é uma grande honra para mim conhecê-la, e a senhorita pode me chamar de "V"."


Dia 5 de Novembro: o dia mais importante de todo o filme.

Melhores quotes:

"Os artistas usam a mentira para revelar a verdade, enquanto os políticos usam a mentira para escondê-la."

"Igualdade, justiça e liberdade são mais que palavras, são perspectivas!"

"Pelo poder da verdade, eu, enquanto vivo, conquistei o universo." ("Vi Veri Veniversum Vivus Vici")

"O homem que se vangloria não tem seu mérito reconhecido."

"Um homem pode morrer, lutar, falhar, até mesmo ser esquecido, mas sua ideia pode modificar o mundo mesmo tendo passado 400 anos."

"O que fizeram consigo foi monstruoso e transformou-o num monstro"

"remember remember the 5th of november"


Para quem gosta de filmes deste género aconselho vivamente. Para quem gosta da ideia de uma sociedade moribunda/estragada que tem o seu protetor, digamos assim, o filme é o ideal. Uma representação do povo oprimido lutando pelos seus direitos e quereres, que não procura glória pessoal mas sim uma reviravolta na sociedade obscura em que vive. Lutando por todos, sem nunca se identificar pelo nome apenas por V. Se gostam de filmes que nos transmitem uma mensagem, este é o ideal. A mensagem de que apenas um pode fazer a diferença basta querer e que somos todos super-heróis. Para quem gosta de filmes deste género este ficou de facto o meu preferido, a seguir ao Batman claro.

TRAILER:



You Might Also Like

0 comentários